A Missão

Na dupla qualidade de ex-libris da Marinha Portuguesa e símbolo de Portugal, a missão do NRP Sagres desenvolve-se em quatro vertentes: 

– Na realização das viagens de instrução com os cadetes e futuros oficiais da Marinha Portuguesa, que a bordo do navio-escola Sagres põem em prática os conhecimentos teóricos ministrados na Escola Naval, desenvolvendo a exigência, o rigor, a determinação, a resiliência, a liderança, a humildade, o espírito de sacrifício e de equipa. 

– No estreitamento dos laços entre a Marinha Portuguesa e as suas congéneres, tanto pela presença do NRP Sagres nos portos visitados como através do embarque de cadetes estrangeiros nas viagens de instrução, conjuntamente com os cadetes da Escola Naval, contribuindo para o intercâmbio cultural e melhor conhecimento recíproco.

– No apoio às visitas de Estado, à diplomacia portuguesa e à afirmação de Portugal no mundo, com participação em grandes eventos nacionais e internacionais, promovendo os nossos valores, a nossa cultura, a nossa maritimidade, a nossa história, o nosso tecido empresarial e os nossos produtos, razão pela qual o NRP Sagres recebeu a designação de Embaixador Itinerante.

– No acolhimento da nossa diáspora espalhada pelo mundo, pois em virtude do NRP Sagres ter o estatuto de navio de Estado todos os portugueses que o visitam pisam solo pátrio e estão, de facto, em território nacional, constituindo um redobrado motivo de orgulho em Portugal enquanto país, nos Portugueses enquanto povo e na Marinha Portuguesa enquanto pilar da defesa do interesse nacional. 

 

Àqueles que têm a honra e o privilégio de servir no NRP Sagres, é exigida atitude, aprumo, profissionalismo, educação, simpatia e orgulho no seu navio, que regularmente recebe as mais altas entidades – civis e militares – e milhares de visitantes em cada porto.

Com uma história que se confunde com a lenda, a aura de prestígio que envolve o NRP Sagres é o resultado da dedicação e do esforço de todos os que nele serviram desde que navega com a bandeira portuguesa, cabendo a cada elemento da sua guarnição – que constitui a verdadeira alma do navio – contribuir para a construção de um símbolo que engrandece Portugal, honrando, assim, a memória dos que os antecederam. 


O NRP Sagres é o navio mais condecorado da Marinha Portuguesa – Ordem do Infante D. Henrique (1985), Medalha Naval Vasco da Gama (2007), Ordem Militar de Cristo (2012) – e também o único que ostenta condecorações estrangeiras – Medalha Mérito Tamandaré (Brasil–2016) e Estrela de Honra de 1.ª Classe (Cabo Verde–2016) – tendo sido distinguido pela Associação Comercial do Rio de Janeiro com a Medalha Visconde de Mauá (2017), pela relevância da sua ação em prol das relações comerciais entre os empresários portugueses e brasileiros, no período em que foi a Casa de Portugal durante os Jogos Olímpicos, em resultado da parceria entre a Marinha Portuguesa e o Comité Olímpico de Portugal.




 

História

Condecorações

Portos Visitados

O Navio